Unwritten

Escrever, escrever e escrever....
Deixar as palavras formarem frases, parágrafos e textos... Contar notícias, tragédias, cartas de amor, cartas de saudades, de alegria, mensagens de reflexão.Buscar em coisas escritas aquilo que não se encontra ao escutar.Achar no meio de um livro antigo uma rosa seca e, ao ver, recordar o passado.
Desligar-se do mundo ao ler um livro, entrar na história e ser o narrador observador.E por alguns instantes esquecer de tudo.

Eu escrevo por hábito, por gosto, porque quando escrevo esqueço do mundo ao meu redor, as palavras chegam na minha mente e eu simplesmente as escrevo.Podem não ter significado pra você, mas para mim, sempre tem.

Nossas vidas são como livros, a cada dia uma nova página é escrita.

20 março, 2008

Sarah e seus desencontros amorosos. Capítulo de hoje: Revolta!


Sentada na grama na sombra de uma árvore em uma tarde qualquer estava Sarah com seus pensamentos. Cada vez que tentava achar uma resposta, aumentava sua revolta...
Tudo começou quando em uma festa conheceu Diogo, a atração foi crescendo e no meio da conversa rolou o beijo, discreto, porém com gostinho de quero mais. Como de costume, Sarah apenas sabia detalhes superficias da vida de Diogo, trocaram telefone, mas Sarah não esperava que ele ia ligar e continuou a curtir sua vida, mas sem esquecer daquele beijo.
Eis que de repente toca o telefone: era ele, seu corpo estremeceu ao dizer alô e quando ele disse: Vamo dar uma volta? Ela, logicamente, concordou.
Saíram para dar uma volta, mas acabaram no apartamento dele . Sarah observava tudo e calculava seus passos, receando meter os pés pelas mãos e estragar tudo precipitando-se. O calor da conversa e da troca de carícias tornou inevitável controlar o desejo de ambos e, sem pensar nas consequências, ela se rendeu aos som da música que embalava aquele encontro....
Um turbilhão de sentimentos a invadiu depois que Sarah voltou pra casa: insegurança, medo, felicidade e aquela sensação gostosa de calma. Remorso?? Não. Ela sabia das consequências, sabia que podia se desiludir ou se apaixonar. Estranho foi saber que Sarah não tinha uma resposta pra isso, tudo muito novo? Muito recente? Talvez.
Mas como tudo que é bom na vida dura pouco, bastou o 3º encontro para deixar essa relação por um fio. Diogo, independente do lugar e das pessoas que estavam junto quando se escontraram , foi frio. Agiu como se nada demais tivesse acontecido, jogar a culpa na timidez por estar entre amigos? Não, ele tinha essa liberdade e todos já sabiam e até brincaram com a situação, mas ele para desespero de Sarah nada fez. Nenhuma atitude que desmonstrasse alguma consideração por ela.
A partir daquele momento a sensação de revolta e de incompreenção só crescia dentro de Sarah, despediram-se como amigos, apenas um beijo no rosto e mero abraço.
Mas ao contrário do que todos esperavam, Sarah continuou a agira normal, mas com a certeza de que ele era o cara errado para ela.

Os homens tem medo de mulheres inteligentes...

As mulheres não tem que ser submissas aos caprichos de um homem e nem ele aos de uma mulher superficial.

Perguntas que não querem calar:
O que faz um cara agir assim? (Ou melhor, não agir quando ele podia "exibir a todos sua conquista"?)
Por que as mulheres são intimidadas por eles e quando reverte a situação eles correm?
Por que os homens deixam de lado os sentimentos de lado em prol do prazer?
E porque as mulheres que tomam iniciativa e que tem atitude são julgadas vulgares?
O que leva uma pessoa cometer traição?
O amor está acima de TUDO?

3 comentários:

\ L i n e n h a . A u t i e r i / ♥ disse...

Nathy, (posso te chamar assim?) quando vi o tamanho do post, confesso que me assustei.
Mas fui lendo, lendo e a preguiça passou. Porque seu post tá demais!
Concordo contigo em vários pontos..
Parabéns! Eu adorei!
Tudo de bom nesse feriado..e muitos ovinhos pra vc!
beeijo

[Red Skin] disse...

quer uma resposta?
machismo!
issu responde 90% das perguntas q vc colocou. os outros 10% são idiotice masculina msm...

bjss

Anônimo disse...

E a sarah mais uma vez me encantou!
e qnto as perguntas q não kerem calar, bem, acho q o Igo aki em cima já deu uma resposta no minimo plausivel(pelo menos enqto não descobrimos nada realmente "concreto").

Ps: te adcionei nos meus links de canais pra ser feliz! tá lá no blog!

bjs

se cuida!