Unwritten

Escrever, escrever e escrever....
Deixar as palavras formarem frases, parágrafos e textos... Contar notícias, tragédias, cartas de amor, cartas de saudades, de alegria, mensagens de reflexão.Buscar em coisas escritas aquilo que não se encontra ao escutar.Achar no meio de um livro antigo uma rosa seca e, ao ver, recordar o passado.
Desligar-se do mundo ao ler um livro, entrar na história e ser o narrador observador.E por alguns instantes esquecer de tudo.

Eu escrevo por hábito, por gosto, porque quando escrevo esqueço do mundo ao meu redor, as palavras chegam na minha mente e eu simplesmente as escrevo.Podem não ter significado pra você, mas para mim, sempre tem.

Nossas vidas são como livros, a cada dia uma nova página é escrita.

30 maio, 2008

Desvaneios de uma tade

Será que quanto estiver com meus 30, 35 anos vou olhar pra trás e me ver como meu vejo hoje?
Será que vou me achar uma idiota? Ou uma garota legal?
Talvez não lembre de detalhes, momentos ou pessoas que hoje são importantes para mim. Mas tenho certeza que levarei comigo tudo o que aprendi durante esse percuso.
Posso até continuar com os mesmos defeitos como também posso deixar aflorar esse meu eu escondido e mostrar sem ter medo meu jeito de ser, deixar minha estrela brilhar o quanto ela puder e pra quem ela quiser.
Sinceramente não me vejo com 30 anos, mês que vem faço 20 e acho que vai ser um grande marco na minha vida, pois mostra que sobrevivi por duas décadas e estou aqui hoje nessa minha metamorfose ambulante do meu eu incompreendido! (Nossa, que profundo que ficou isso)
Me ocorreu um pensamento enquanto escrevia: será que essa minha busca por respostas já não faz parte de mim? Talvez seja essas minhas aflições os meus traços, a minha marca, seja no meu sorriso ou no meu choro.
Vendo o tempo passar diante dos meus olhos, pessoas entrando e saindo da minha com tanta rapidez e intensidade que eu me transformo naquilo que talvez não deveria ser.
Foram tantas atitudes, gestos, palavras e momentos que eu nem sei mais o que pensar e nem fazer.
Deixar a vida simplesmente passar não é bom, mas tem horas que é preciso.
Ficar atento a pequenas coisas ao seu redor, pode definitivamente, mudar sua vida.

26 maio, 2008

Revoltas: até quando?

Chegaaaaaaaaaaaa!
----------------------------------------------
Como o homem é um ser desprezível! Muitos animais tem extintos mais nobres e dignos que nós. A complexidade do nosso mundo é resultado das nossos próprios atos no passado. Se não tivéssemos essa maldita mania de querer facilitar tudo e, principalmente, achar que é dono da verdade e de que tem direito de mandar e desmandar na vida das pessoas, passando por cima de tudo e de todos, não teríamos tantas tragédias anunciadas diariamente nos noticiários. Seria tão fácil se as coisas fossem do jeito que nós quiséssemos, se não existisse mentira, orgulho, ambição, falsidade e traição. Se as pessoas próximas a nós nunca nos magoássemos.
Mas daí eu pergunto: teria graça?
-----------------------------------------------------
Não, pois o sofrimento faz parte do processo de amadurecimento de todo ser humano. Se você não sabe lidar com problemas, então você não vive nesse mundo, não pertence a essa grande massa que implora por soluções sem saber as respostas, pois sempre achou que nada iria acontecer e que nada poderia ser tão digno ao ponto de o homem não saber o que fazer. Mas hoje a sociedade mundial está de frente com os dois maiores inimigos que poderia ter: a mãe natureza e o próprio homem.
--------------------------------------------
A revolta da natureza vem surgindo e digo só tende a piorar cada vez mais se não agirmos e, quanto ao homem, esse sim não tem mais jeito, está jogado as traças da impunidade e ao descaso da política. Pois um país sem regras rígidas e educação é considerado um país pobre, emergente ou subdesenvolvido. Seja lá o nome que for, ele é assim devido a falta de recursos, seja na área da saúde, da educação, do investimento de capital etc.
--------------------------------------------
Enfim, o culpado são sempre os mesmos: os políticos, no mundo atual tudo é movido a política, seja ela dentro de um plenado ou dos líderes de galgues, comunidades e seitas. Tudo é negociável, mas até que ponto? Ao ponto de matar milhões de pessoas por um "capricho"?
------------------------------------------
Chegaaaaaaaaaaa!
------------------------------------------
Por tudo que vivemos até agora e que espero viver, peço aos cidadões que ainda tem um pouco de juízo e compaixão que passe isso adiante e que acalme seus adversários, que não promova atritos desnecessários entre familiares ou amigos e que saiba ouvir essa voz da razão mas sem deixar de lado a voz do coração. Que, ao anoitecer, você possa deitar no travesseiro com a consciência tranquila e sonhar com um mundo de paz.
----------------------------------------------------------------------------
Nada te faltará - Ana Carolina
--------------------------------------------
Pra onde vamos
As vãs, carros e bicicletas
Certezas, avessas, comércio de guerra
Legado de merda
Mais de um bilhão de chineses
Marchando sem deuses
E outros descalços fazendo sapatos
Pra nobres e ratos
Sobe do solo a nuvem de óleo
Com cheiro de enxofre queimado
Fodendo com os ares
E outras barbáries
Quero mudança total
Uma idéia genial
A ciência e o amor a favor do futuro
Quero claro no escuro

Peço paz aos filhos de Abraão
Quero Ghandi na melhor versão
E nada vai me faltar
E nada te faltará

Pra onde seguem os barcos
Os homens suas trilhas
Seus filhos e filhas no pau da miséria
Um pico na artéria
As mulheres pedintes perdidas
Que já quase loucas
Dividem o frio das noites com as dregs
As mães descarregues
Meninas sangrando na boca
E no meio das pernas
No meio da noite tomando cacete
Sem dente e sem leite
Quero respeitos humanos
Direitos fazendo pensar
Os pilares de uma nova era
Que não seja quimera

24 maio, 2008

Déjà vú

Ela olhou em frente ao espelho e viu apenas um rosto inchado, cabelos despenteados e olhos vermelhos de tanto chorar. Suspirou. Viu no chão as pílulas de calmante caídas perto da garrafa de vodca. A raiva despertou ao mesmo tempo que o desespero a fez reagir. Sabia que tinha escapado da morte por pouco e, reagiu a essa situação como se tivesse recebido um sinal dos céus. Não se atreveu a pergutar o porquê de tudo aquilo, simplesmente levantou-se, tomou um banho, se arrumou e foi dar uma volta. A sensação de liberdade lhe fazia bem.
Ás vezes queria ser azul, talvez assim as pessoas teriam motivos pra ver com outros olhos e, perceberiam que existo e que mesmo sendo azul, seria igual, mas com um detalhe a mais.



Como é estranho olhar para alguém tentando achar algo em comum. Vc já faz um pré-julgamento da pessoa e e acaba por não ver a suas particularidades.

19 maio, 2008

Um pouco sobre Psicologia Social

A psicologia social procura estudar a interação dos homens perante uma sociedade, com base nesses comportamentos, são estabelecidos conceitos.

Isso envolve a percepção social, comunicação, mudança de atitudes, socialização, grupos sociais e papéis sociais.

Você se conhece?
Talvez superficialmente, tudo depende do momento vivido e das emoções que afloram. Ao longo de um processo você passa a ter um conhecimento maior sobre você mesmo.

Percepção: perceber a presença do outro e com suas características próprias, possibilitando uma impressão. Isso é possível devido ao nosso contato com o mundo a qual atribuímos um significado.

Comunicação: codificação-transmissor-mensagem-receptor-decodificação = significado.

Atitudes: Ações favoráveis ou não em resposta à informações relacionadas com afetos positivos ou negativos.

Socialização: conjunto de nossas crenças, valores e significados - aprendidos como membro de um conjunto social.

Escolhas: grupos sociais = possuem objetivos em comum, desempenham papéis sociais, mas o papel prescrito nem sempre é desempenhado - sofre modificações.

A psicologia social é baseada em um método descritivo onde depende da percepção visual/espacial. Por isso se torna falha e susceptível à críticas.

A chamada nova psicologia social critica a antiga por várias razões, dentre elas: partia somente da interação social, isto é, apenas o homem modificava a sociedade, mas não e si próprio. E havia o comprometimento dos antigos antropólogos com o governo, em que as teorias favoreciam o governo regente.

Em resumo a nova psicologia social refere-se mais parte psíquica, ou seja, aquilo que não podemos efetivamente observar. São conceitos básicos dessa análise do homem em movimento: a atividade, a consciência e a identidade.


"Estamos sempre nos transformando,apesar de aparentemente nos mantermos iguais."


Fiz esse resumo partindo da aula de psicologia que tive hoje na faculdade e principalmente por essa frase acima, pois a achei muito propícia para o momento a qual estou vivendo.

Já ouviram falar do efeito dominó?

Quando uma coisa dá errado tudo tende ao pior. Até parece Lei de Murphy, uns dizem que são uma conspiração cómica contra você e outros não acham nada, apenas se conformam com a realidade.

É interessante observar as pessoas em momentos críticos, pois elas podem chegar aos extremos da razão ou da loucura. E são nesses momentos que você realmente conhece as pessoas ao seu redor.

Evitei escrever antes no blog, para não tornar-me repetitiva em certos assuntos que insistem em me perseguir e, com o passar do tempo eu percebo que minhas atitudes são diferentes em relação ao mesmo problema. Não julgo isso ruim, pois aprendi que tem ta na chuva é para se molhar e que se fazem algo de ruim para você ou para alguém que você goste, a vingança não é melhor solução, mas você não pode deixar isso impune.

Uma nuvem negra páira sobre nossas cabeças (entendam nossas como sendo da minha família) e a cada dia vivemos na incerteza do amanhã. De dia pode ser que tenhamos sol,mas ao anoitecer uma terrível tempestade pode surgir....

E eu estou aqui pronta pro que der e vier, quer dizer, espero que esteja realmente.
Uma coisa importante disso tudo, hoje eu sei separar a família da faculdade, mas é tão complicado se concentrar quando se está com o pensamento longe.

Queria resolver os problemas, mas não tenho essa capacidade e, mesmo que tivesse talvez não acabaria com todos os problemas do mundo, pois o sofrimento é necessário para a nossa evolução como seres humanos.

Deixo uma pergunta no ar:
Quando será que o sol irá brilhar para todos??

11 maio, 2008

Busco horas. Busco dias. Busco estar em ti.

Essa não é mais uma carta de amor,
São pensamentos soltos traduzidos em palavras
para que você possa entender
o que eu também não entendo.
Queria te dizer palavras simples
que guardariam tudo o que eu sinto.
E pelo simples fato de te dizer,
mais forte ficaria meu sentimento.
Mas nada que eu diga me parece exato,
nada que eu pense tem um sentido claro.

Só por você eu dei até o que eu não tive
Há tantos que vivem sem viver um grande amor
Eu que sonhei por tanto tempo em ser livre
Me prenda em seus braços é o que eu te peço

Talvez o silêncio nunca me perdoe
por te dito que te amo
Sou vítima de mim mesmo,
de própria frase,
da minha própria consciência.

Não importa sua crença eu quero a diferença
que me faz te olhar de frente
pra falar de tolerância e acabar com essa
distância entre nós dois
deixa eu te levar
Não há razão e nem motivo pra explicar
eu te completo e que você vai me bastar

Entre razões e emoções a saída é fazer valer a pena
Se não agora não agora depois não importa, por você posso esperar
Como num filme no final tudo vai dar certo
Quem foi que disse que pra estar junto precisa estar perto?
E que se acabem os segredos e que se aumentem os desejos
e assim enquanto eu te beijo que mude o destino por um minuto.

Pensa em mim - Darvin

Dedico essa música a minha prima Ana: 

Inspiração dos meus sonhos, não quero acordar.
Quero ficar só contigo, não vou poder voar.
Por que parar pra refletir se meu reflexo é você?
Aprendendo uma só vida, compartilhando prazer.

Por que parece que na hora não vou agüentar,
Se eu sempre tive força e nunca parei de lutar?

Como num filme no final tudo vai dar certo.
Quem foi que disse que pra tá junto precisa tá perto?

(refrão):

Pensa em mim
Que eu tô pensando em você
E me diz
O que eu quero te dizer
Vem pra cá, pra eu ver que juntos estamos
E te falar
Mais uma vez que te amo

O tempo que passamos juntos vai ficar pra sempre,
Intimidades, brincadeiras, só a gente entende.

Pra quem fala que namorar é perder tempo eu digo:
Ha muito tempo eu não cresci o que eu cresci contigo.

Juntos no balanço da rede, sob o céu estrelado,
Sempre acontece, o tempo pará quando eu tô do seu
lado.

A noite chega eu fecho os olhos e é você que eu vejo,
Como queria estar contigo eu paro e faço um desejo:

Pensa em mim
Que eu tô pensando em você
E me diz
O que eu quero te dizer
Vem prá cá, pra eu ver que juntos estamos
E te falar
Mais uma vez que te amo (3x)

Mais uma vez que te amo...

09 maio, 2008

O reencontro

Em sua mente repetia-se involuntariamente aquela cena que tanto lhe apavora.
A sensação era de angústia e medo do desconhecido, estava desnorteada, precisava ouvir que tudo ia dar certo, precisava de um colo, um ombro em que pudesse desabafar seus tormentos silenciosamente num abraço amigo.
Não sentia-se infeliz e nem alegre, apenas vazia.
Vazia de respostas, palavras, pensamentos e atitudes.
Estava fisicamente nos lugares, mas seu eu lhe implorava decisões que lhe deixavam inquieta. Borboletas alvoroçadas em seu estômago alertavam que algo não estava bem.
Precisava voltar ao mundo real, mas como?
Não sabia dizer, para cada lado que olhava não via as respostas que queria.
Noites de insônia e as crises voltaram... Não queria isso.
Sabia as consequências e lhe perguntava por quê deixou chegar a esse ponto.
Quando tudo parecia perdido, encontrou sua salvação aonde nunca imaginou.
Teve a certeza que a vida lhe prega peças e que o destino sabe o que faz.
Ao andar distraída pela rua encontrou um amigo de longa data, que nunca imaginou rever. Ele presenciou parte de sua tragetória, lhe apoiou e aconselhou nos momentos certos.
Lutaram juntos sem deixar transparecer para os outros o que lhes afligia.
O sorriso e aquele abraço amigo gostoso eram tudo que ela precisava para seguir em frente naquela fase em que tudo mudava tão rapidamente e um passo dado em falso podia definir sua vida para sempre.
Fase a qual todos já passaram e muitos ainda irão: A adolescência em que os nervos encontram-se a flor da pele e a curiosidade é o fogo que mantém a chama ascesa (ou seria acesa?) .
Retomando...
Ao abraçar sentiu uma energia e uma sensação muito boa. Lágrimas correram de seus olhos ao ver os olhos dele marejados e escutar tão doces palavras:
- Meu anjo, você sabe o que enfrentou e passou e está aí linda, muitas coisas virão, mas você já venceu tantos obstáculos que sabe tem a capacidade de enfrentar o que vier e sair com a cabeça erguida. Você é forte, guerreira e dedicada no que faz. Continue assim que sua estrela ainda vai brilhar muito. E pode contar comigo pro que precisar, sempre estarei aqui torcendo por você, minha grande amiga.
Essas palavras ficarão gravadas em sua memória por muito tempo.
E, a cada obstáculo que se deparar irá lembrar das palavras e encontrará as forças necessárias para vencer.

08 maio, 2008

III Simpósio de PET/CT em Oncologia: Neoplasias Torácicas



Esse simpósio foi realizado no Hospital Sírio Libanês nos dias 28 e 29/04 em São Paulo.
Foi muito bom, de uma ótima organização e o nível de conhecimento dos palestrantes excepcional.

Tivemos a oportunidade de assistir palestras com o Dr. Homer Macapinlac, do M.D. Anderson Cancer Center e com o Dr. Steven M. Larson, do Kettering Cancer Center. Além dos doutores Edwaldo E. Camargo, diretor do núcleo de medicina nuclear do hospital e Dr. Riad Younes, diretor clínico. E outros excelentes profissionais que participaram.


O foco desse simpósio foi mostrar a importância dessa nova técnica de diagnóstico na oncologia que vem demonstrando ótimos resultados, mas ainda é recente. O PET/CT é a junção da técnica do PET com a tomografia computadorizada para se obter maior precisão de dados e maior detecção de alterações metabólicas em locais específicos do corpo humano.


Para se realizar o PET é utilizado o FDG-F que é um radiofármaco semelhante a molécula de glicose que, ao ser injetado na pessoa, contrasta os pontos em que há alterações metabólicas, aparecendo na imagem como pontos escuros. O FDG ao entrar na célula não é metabolizado, sendo assim, o paciente não elimina água e nem ar radiotivo.
O Hospital Sírio Libanês é o pioneiro em utilizar o PET/CT no diagnóstico e tratamento oncológico. Não vou me aprofundar, mas quem estiver interessado vale a pena pesquisar mais sobre o assunto.

Ah! Quem quiser ver as fotos da viagem é só clicar na imagem.

Simpósio em São Paulo