Unwritten

Escrever, escrever e escrever....
Deixar as palavras formarem frases, parágrafos e textos... Contar notícias, tragédias, cartas de amor, cartas de saudades, de alegria, mensagens de reflexão.Buscar em coisas escritas aquilo que não se encontra ao escutar.Achar no meio de um livro antigo uma rosa seca e, ao ver, recordar o passado.
Desligar-se do mundo ao ler um livro, entrar na história e ser o narrador observador.E por alguns instantes esquecer de tudo.

Eu escrevo por hábito, por gosto, porque quando escrevo esqueço do mundo ao meu redor, as palavras chegam na minha mente e eu simplesmente as escrevo.Podem não ter significado pra você, mas para mim, sempre tem.

Nossas vidas são como livros, a cada dia uma nova página é escrita.

04 fevereiro, 2008

Mal trato aos animais

Não me lembro que dia que foi, mais tava assintindo uma reportagem sobre animais selvagens abandonados. Os de circo, nossa tinha leões e tigtres presos em jaulas que nem dava pra eles ficarem de pé! Gente o que que é isso!? Os bichanos tavam com as patas atrofiadas e coluna, muita judiação mew.. Fora outros exemplos que poderia citar aqui e que agente vê todo dia, como os cachorros abandonados....
Mas sei que tem muita gente que dá a vida por eles e são essas pessoas que eu admiro de todo meu coração.
Corta meu coração ver isso, por isso até evito. Sempre gostei de animais, não mato nem formiga!Só não gosto de barata e marimbondo eu tenho um medo terrível deles me picarem...
Eles sentem dor e fome igual a nós seres humanos, torço para que esse quadro se reverta a tempo de salvar-los.

0 comentários: