Unwritten

Escrever, escrever e escrever....
Deixar as palavras formarem frases, parágrafos e textos... Contar notícias, tragédias, cartas de amor, cartas de saudades, de alegria, mensagens de reflexão.Buscar em coisas escritas aquilo que não se encontra ao escutar.Achar no meio de um livro antigo uma rosa seca e, ao ver, recordar o passado.
Desligar-se do mundo ao ler um livro, entrar na história e ser o narrador observador.E por alguns instantes esquecer de tudo.

Eu escrevo por hábito, por gosto, porque quando escrevo esqueço do mundo ao meu redor, as palavras chegam na minha mente e eu simplesmente as escrevo.Podem não ter significado pra você, mas para mim, sempre tem.

Nossas vidas são como livros, a cada dia uma nova página é escrita.

07 julho, 2008

Não tão complicado demais, mas nem tão simples assim é o amor

Quantas e quantas vezes me pego pensando em como seria bom amar alguém e se sentir segura em seus braços e, por alguns momentos, esquecer de tudo ao meu redor e só pensar em nós dois...

Mas o que é amar?
Quando tempo leva pra você amar alguém?
Quem ama é capaz de perdoar e aceitar os erros do parceiro ao mesmo tempo tenta corrigí-los? Será que amar é isso?
É você se sentir nas nuves no meio de uma tempestade?
É se entregar a alguém de corpo e alma sem medir as consequências e pensar em envelhecer juntos caminhando na beira da praia com os netos?
Qual é o verdadeiro significado da palavra amor?
Porque quem ama sofre?

Enfim, são tantas perguntas que até hoje não descobri realmente as respostas. Cada pessoa tem a sua forma de amar alguém ou alguma coisa. Eu posso amar a minha vida, minha familia, meus amigos e meu cachorro, mas todas de formas diferentes, por exemplo.

Não existe regras para se amar e nem tempo. Alguns podem chamar de coisas do destino outros de mera coincidência, mas quem sabe não seja a má pontaria de Eros a culpada de tantos amores frustrados? Talvez ele esteja zombando da nossa fragilidade humana em se apegar a algo ou alguém para se sentirmos mais forte.

Não é preciso amar para ser amado e nem se mostrar fraco para ser forte. A vida nos leva por caminhos tortuosos em que devemos medir nossos passos para que não haja em nossa frente um abismo, somente algumas pedras as quais devemos reuni-las para construir-mos o nosso castelo.

0 comentários: