Unwritten

Escrever, escrever e escrever....
Deixar as palavras formarem frases, parágrafos e textos... Contar notícias, tragédias, cartas de amor, cartas de saudades, de alegria, mensagens de reflexão.Buscar em coisas escritas aquilo que não se encontra ao escutar.Achar no meio de um livro antigo uma rosa seca e, ao ver, recordar o passado.
Desligar-se do mundo ao ler um livro, entrar na história e ser o narrador observador.E por alguns instantes esquecer de tudo.

Eu escrevo por hábito, por gosto, porque quando escrevo esqueço do mundo ao meu redor, as palavras chegam na minha mente e eu simplesmente as escrevo.Podem não ter significado pra você, mas para mim, sempre tem.

Nossas vidas são como livros, a cada dia uma nova página é escrita.

27 julho, 2008

As coisas são como elas são....

Hoje estou decidida.
Não sou mais quem eu achava que era.
Me surpreendi em alguns momentos que a vida me mostrou caminhos diferentes e incertos.
Tal incerteza me fez ver que posso ter mudado, mas continuo com os pés no chão.
Sonhar é bom, mas até que ponto vale a pena acreditar em uma ilusão?
Construir um castelo de areia não é o que eu quero nesse momento.
As pedras que encontro em meu caminho guardo todas para que um dia possa construir um castelo até então sólido, mas que não garante seu deterioramento com o passar dos anos...
Queria entender como as coisas são, mas vi que não consigo.
Dizer a verdade é essencial por mais que seja doloroso falar isso pra alguém e saber que vai machucar, porém, julgo ser um mal necessário.
A vida não é um conto de fadas em que tudo pode ser resolvido com um toque de mágica.
Prefiro continuar com minha sensatez ao invés de me arriscar em algo que não sei se vai dar certo.
Ao mesmo tempo que me contradigo ao pensar que a graça de tudo talvez esteja em não saber qual será o proximo passo e que se vc não arriscar nunca saberá se vai dar certo!
Enfim, as coisas são como elas são....

1 comentários:

du_Santus disse...

eeh... a vida devia ser mesmo mais engraçada sem saber o que vem depois. E até é, se vc não tiver medo do desconhecido. Essa é a chave de tudo.

e o certo é "contradigo", :)hehe
bjs