Unwritten

Escrever, escrever e escrever....
Deixar as palavras formarem frases, parágrafos e textos... Contar notícias, tragédias, cartas de amor, cartas de saudades, de alegria, mensagens de reflexão.Buscar em coisas escritas aquilo que não se encontra ao escutar.Achar no meio de um livro antigo uma rosa seca e, ao ver, recordar o passado.
Desligar-se do mundo ao ler um livro, entrar na história e ser o narrador observador.E por alguns instantes esquecer de tudo.

Eu escrevo por hábito, por gosto, porque quando escrevo esqueço do mundo ao meu redor, as palavras chegam na minha mente e eu simplesmente as escrevo.Podem não ter significado pra você, mas para mim, sempre tem.

Nossas vidas são como livros, a cada dia uma nova página é escrita.

25 agosto, 2008

Ausência

Procurei no meu íntimo respostas as quais não encontrei
Fechei os olhos buscando sonhar, mas nada aconteceu
Tentei esquecer de tudo e apenas respirar
Fracassei.

Quis ser outra pessoa, mas vi que não sou boa atriz
Queria tanta coisa e ao mesmo tempo não pensava em nada
Essa ausência de mim só me trouxe complicações.

Passaram-se as horas, os dias e as semanas
Hoje eu dei os primeiros passos para voltar a ser como sou
Apenas eu e nada mais.

1 comentários:

Larybock disse...

Oi Nathy,
tempão que eu ñ passo aqui ñ é?!
passei só pra dizer Oi mesmo,
e dizer q to de volta no mundo blogueiro srrss
^^
Novo Layout hen?!

Bejus